os sonhos de Gabriela

eu não consigo entender quando você
que sempre acompanha os meus olhos de futuro
pronuncia as seguintes palavras:
“queria saber sonhar”

enquanto me chama por dentro
nossos pensamentos se encontram
e te ocupo por inteira, nunca por igual
nos poucos segundos em que você
olha o vazio diante da tela do computador

escolhemos as cores e mentalmente
pintamos de azul e amarelo
as paredes que provocaram dor e cansaço
em nossas pernas de dançar junhos
ainda que fora dos seus ouvidos
não seja possível ouvir a música.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s